O novo ano está aí à vista e, muitas vezes, é nesta altura que começamos a fazer um balanço de tudo aquilo que fizemos ao longo do último ano. É também nesta altura que nos começamos a questionar se cumprimos tudo aquilo que propusemos à meia-noite, ao comer as passas, ou se estamos a deixar algo que tanto queríamos ter feito para trás.

A verdade é que, às vezes, não é por falta de vontade ou incentivo, mas sim de oportunidade. Ou porque não temos tempo, ou porque não é a melhor altura para a nossa carteira. Ou porque simplesmente não tivemos companhia para o fazer. No entanto – e apesar de estarmos em contagem decrescente para 2020 – ainda nos resta quase um mês e meio para pormos em marcha os nossos grandes desejos e aproveitar ao máximo os descontos de última hora, sem comprometer as nossas poupanças.

Acha que é impossível? Nós damos uma ajudinha.

 

  1. Levar uma vida mais saudável

Sabemos que este é um dos propósitos mais difíceis e foi por isso que quisemos que fosse o primeiro. Ao longo do ano, vamos tendo vários momentos que desafiam o nosso paladar e nem sempre é porque andamos a jantar fora mais vezes por semana. O stress e a ansiedade do dia-a-dia também nos fazem querer comer mais e, muitas vezes, não conseguimos encontrar o balanço perfeito entre uma dieta equilibrada e praticar exercício.

No entanto, mesmo quando achamos que o tempo ou a carteira não estão do nosso lado, há sempre um espacinho de manhã ou ao fim do dia para dedicarmos algum tempo ao nosso bem-estar físico. De certeza que já reparou no ginásio ao fim da rua ou no piso abaixo do seu escritório. Está na hora de ir até lá para perceber quais são as ofertas que podem fazer “match” com a sua rotina.

Aulas, máquinas de exercício, personal trainers… há sempre opções para todos os gostos e possibilidades.

Mas se está mesmo em fase de poupança nesta pré-época de Natal, então vá até ao parque verde mais próximo da sua casa, coloque uma música no seu telemóvel e faça uma caminhada de 30 minutos, pelo menos três vezes por semana. Vai ver que os quilinhos a mais vão desaparecer num instante!

 

  1. Experimentar novos pratos

Se está farto da marmita da semana ou dos típicos bifes com arroz, esta é a altura certa para ir à descoberta de novos sabores. Estão a nascer por Portugal inúmeros restaurantes com inspirações gastronómicas de todo o mundo. Asiáticos, tailandeses, mexicanos, marroquinos… existem imensos sabores que pode provar ainda este ano.

Aproveite para experimentar comida orgânica ou caseira e tirar ideias para os jantares de amigos ou planos em família, agora que chega a altura dos reencontros.

 

  1. Fugir do stress

Fugir da agitação do dia-a-dia, dos prazos e do conjunto de tarefas que temos para fazer torna-se um grande desafio, mas não é por isso que deixa de ser possível. A verdade é nem todos os empregos têm o mesmo nível de stress, mas também sabemos que nem todos reagimos de forma igual aos estímulos diários.

Se quer pôr um ponto final ao ritmo frenético que põe em causa a sua saúde mental, então opte por agendar mensalmente uma massagem terapêutica ou uma sessão de aromaterapia. Para além destas sessões, pode também optar por libertar, pelo menos cinco minutos do seu dia para fazer meditação. E pode poupar, fazendo-o em sua casa, colocando uma música relaxante e libertando a sua mente de tudo aquilo que lhe causa mais stress.

 

  1. Ter mais tempo livre

O fim-de-semana nem sempre é suficiente para podermos descansar ao máximo de uma longa semana de trabalho e é por isso que temos de planear melhor o nosso dia-a-dia, de forma a termos a certeza que podemos retirar mais uns bons minutos para descansar ou fazer o que mais gostamos no nosso tempo livre, como ir até ao cinema, jantar fora ou beber um copo com os amigos.

Comece por ser regrado nos seus horários de entrada e saída no seu trabalho e faça um planeamento das tarefas domésticas da semana, para que possa libertar alguns finais de dia para descontrair. Se preferir, pode mesmo fazer um calendário e apontar os dias em que vai concentrar as tarefas menos apetecidas. E não se esqueça de se desligar mais vezes das redes sociais para poder aproveitar cada minuto!

 

  1. Adotar um animal

Agora que o Natal e o tempo mais frio se estão a aproximar, é a altura ideal para receber um novo membro na família e para lhe dar um novo lar. Há muitos animais a precisar de acolhimento e de um final feliz.

 

  1. Ter uma vida mais sustentável (e económica)

Aqui a resposta é simples. E o que é que tem de fazer? Começar a apostar mais em andar de transportes ou outras novas alternativas, como as trotinetas ou mesmo as bicicletas old school. Não só deixa de depender tanto do seu carro e de poluir o ambiente, como vai certamente poupar uns trocos na sua carteira no final do mês.

Para além disso, pode também ser criativo e passar a reaproveitar alguns dos materiais que tem escondidos por casa ou que está a pensar deitar para o lixo. Pode sempre aproveitar caixotes de antigos objetos para construir novos sofás ou móveis. Deixe a sua imaginação fluir.

E usar saco de pano quando vai ao supermercado? Não se esqueça dele!